Menopausa precoce, será que eu tenho?

Menopausa precoce

A menopausa é um evento que causa envelhecimento dos ovários e põe fim ao ciclo ovulatório. Quando isso acontece antes dos 40 anos dá-se o nome de menopausa precoce. Esse período é marcado por calor excessivo, alteração do humor, problemas de fertilidade e em alguns casos dificuldades na memória.

Mas como saber se você tem menopausa precoce? Neste texto vamos abordar suas causas, sintomas e diagnósticos. Vamos lá!

Causas da menopausa precoce

Diferente da pré-menopausa, que é um dos estágios anteriores à menopausa, a menopausa precoce é caracterizada pela antecipação do envelhecimento dos ovários.

Primeiro, é importante entender que a mulher nasce com uma quantidade determinada de folículos ovarianos, etapa anterior aos óvulos. Durante o processo de formação do óvulo, eliminado em cada menstruação, desenvolve vários folículos e apenas um será aproveitado para dar formação ao óvulo.

Assim, a menopausa precoce inicia quando ela não possui mais reserva de folículos, não produz mais hormônios e consequentemente tem o envelhecimento dos ovários por falta de desenvolvimento dos óvulos.

Diversos fatores são considerados causas da menopausa precoce. Entre os mais conhecidos estão:

  1. Histórico familiar de menopausa precoce

Mãe ou avó com histórico de menopausa precoce pode ser um fator importante para o diagnóstico.

  1. Doenças autoimunes

O sistema imunológico produz anticorpos para combater componentes do nosso organismo. É comum em casos de mulheres com doenças autoimunes o corpo atacar erroneamente os ovários, impedindo-os de produzir hormônios.

Exemplo de doenças autoimunes relacionadas: doenças na tireóide e artrite reumatóide.

  1. Tratamentos com quimioterapia ou radioterapia

O tratamento contra câncer a base de quimioterapia ou radioterapia também está entre as principais causas. As células ficam expostas aos quimioterápicos e à radiação, podendo provocar falência dos ovários.

Além disso, o cigarro é uma droga que também está relacionada à menopausa precoce, visto que mulheres fumantes podem entrar em menopausa dois anos antes de mulheres não fumantes.

  1. Alteração genética no cromossomo X

Algumas doenças provocadas pela alteração genética no cromossomo X, como a síndrome de Turner, podem desencadear a menopausa precoce ocasionando nascimento de ovários defeituosos, diminuição de produção de folículos saudáveis e até atróficos. Essas alterações podem ser diagnosticadas mediante exame genético.

Sintomas e diagnóstico

Embora seja um problema silencioso, a menopausa precoce atinge 1% das mulheres antes dos 40 anos.

Em fase inicial ela pode não apresentar sintomas, já que a mulher continua menstruando sem saber que está entrando no período precoce da menopausa.

A deficiência da produção do hormônio estrogênio no corpo feminino causa sintomas parecidos e que podem ser confundidos com os da menopausa. Alguns deles:

  • Ciclos menstruais irregulares;
  • Diminuição do desejo sexual;
  • Suor excessivo;
  • Ressecamento vaginal;
  • Alteração no humor;
  • Ganho de peso;
  • Infertilidade.

Para ter o diagnóstico da menopausa precoce é necessário consultar o ginecologista para realização de exames de sangue que controlam os hormônios.

Se você tem menos de 40 anos e possui ciclo irregular, com falhas acima de 3 meses, consulte seu ginecologista e faça seus exames, como o FSH que indica a quantidade de hormônio folículo-estimulante liberado no organismo.

Quanto antes houver diagnóstico efetivo, maiores são as chances de tratamento para ter uma qualidade de vida melhor.

Agora que você entendeu as causas da menopausa precoce, que tal saber mais sobre a menopausa e suas fases?Tratamento Íntimo a Laser - Rejuvenescimento Íntimo

Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

A ginecologista Valéria do Lago Pareja Guerra atua na Clínica Valéria Guerra, que fica em Dourados, MS. Seu contato é (67) 3422-3703. Também é possível entrar em contato pelo celular ou Whatsapp no número (67) 99972 1216.
Ela oferece o tratamento íntimo com LASER ATHENA.

Sua formação inclui:

- Medicina pela Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná
- Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná
- Titulo de especialização em Ginecologia e Obstetrícia - Mato Grosso do Sul
- Formação em Videolaparoscopia Ginecológica
- Pós-graduação em Medicina Estética pela Fundação de Apoio a Pesquisa e Ensino em parceria com a Faculdade de Ciências de São Paulo FAPES/ FACIS
- Docente do Curso Médico de Cosmetoginecologia Gynelaser - Brasília DF

Últimos posts por Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra (exibir todos)

About Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

A ginecologista Valéria do Lago Pareja Guerra atua na Clínica Valéria Guerra, que fica em Dourados, MS. Seu contato é (67) 3422-3703. Também é possível entrar em contato pelo celular ou Whatsapp no número (67) 99972 1216. Ela oferece o tratamento íntimo com LASER ATHENA. Sua formação inclui: - Medicina pela Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná - Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná - Titulo de especialização em Ginecologia e Obstetrícia - Mato Grosso do Sul - Formação em Videolaparoscopia Ginecológica - Pós-graduação em Medicina Estética pela Fundação de Apoio a Pesquisa e Ensino em parceria com a Faculdade de Ciências de São Paulo FAPES/ FACIS - Docente do Curso Médico de Cosmetoginecologia Gynelaser - Brasília DF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *