Varizes na vagina: isso é normal?

Varizes na vagina

Você tem muitas varizes nas pernas? Varizes são veias dilatadas que perderam a capacidade de retornar o sangue para o coração. Como o sangue não volta, se acumula na veia, que incha. Isso acontece quando as válvulas responsáveis por esse movimento apresentam problemas nessa função, e não conseguem vencer a força da gravidade. E isso pode ocorrer também em regiões inusitadas, motivo pelo qual aparecem varizes na vagina. Mas isso é normal? Saiba um pouco mais sobre o assunto.

Varizes na vagina

As veias superficiais dilatadas, que não possuem capacidade de jorrar o sangue de volta ao coração, podem aparecer devido a genética, trombose venosa profunda, ortostatismo (ficar sentado ou em pé por muito tempo), sedentarismo ou aumento da pressão intra abdominal (obesos e grávidas).

Mas e as varizes na vagina?

Essa situação não é tão rara quanto parece, já que atinge de 2% a 10% das grávidas. Mas possui um diagnóstico difícil, já que não existem alterações exteriores que tornam as varizes na vagina visíveis.

Essas varizes são associadas sempre à dilatação de uma ou de ambas veias ováricas. Elas podem se manifestar ou se agravar após o parto, com o aumento do fluxo sanguíneo e da compressão das veias.

Sintomas e complicações das varizes na vagina

As varizes na vagina são difíceis de identificar, já que, na maioria dos casos, elas não são visíveis exteriormente. Quando visíveis na pele vulvar, a identificação é imediata. Diante da difícil identificação, a mulher deve se atentar a alguns sintomas que podem surgir, como as dores crônicas na região pélvica, que aumentam de intensidade com:

  • Relações sexuais;
  • Esforço físico;
  • Permanência em pé.

O problema é que as dores nessa região são sintomas comuns de outras patologias que acometem a mulher, motivo pelo qual é preciso investigar com o auxílio do ginecologista outras formas de confirmá-las. É possível, por exemplo, suspeitar das varizes na vagina quando reaparecem varizes nas pernas após uma cirurgia.

As varizes na vagina, assim como as varizes das pernas, também ocorrem por tendência genética, e neste caso não há muito o que fazer. É preciso lembrar que as mulheres são mais suscetíveis a apresentarem varizes.

Outras causas comuns também podem ser citadas, como a gestação, o aumento da pressão local, e as varizes pélvicas, que também são um problema ginecológico.

Alguns quadros vasculares são mais complicados, como a compressão ou tromboflebite. Tromboflebite é a inflamação de veia(s) devido à formação de um coágulo sanguíneo, que geralmente pode ocorrer nas pernas, mas, nesse caso, também na vagina. Entretanto, essas complicações devem ser avaliadas pelo ginecologista.

Tratamento das varizes na vagina

Os tratamentos para varizes na vagina são realizados com o ginecologista, que, a partir da identificação do problema e da causa, optará por medicações hormonais ou, até mesmo, por cirurgias.

A mulher que se depara com varizes na vagina visíveis ou sentiu algum dos sintomas mencionados, como a dor pélvica, deve procurar um ginecologista para identificar as possíveis causas do problema.

E aí, conseguiu entender o que é e quais as causas das varizes na vagina? Conte para nós.

Tratamento Íntimo a Laser - Rejuvenescimento Íntimo

Dra. Flávia Addor

Medcin - Dermatologia e Pesquisa
Osasco - (11) 3681 6362
Santana - (11) 2959 1482
Dra. Flávia Addor

About Dra. Flávia Addor

Medcin - Dermatologia e Pesquisa Osasco - (11) 3681 6362 Santana - (11) 2959 1482

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *