Implante capilar dói? Como funciona?

Implante capilar dói?

Quem sofre com problemas de calvície sabe o quanto é importante achar um tratamento eficiente que ajude a reverter ou até mesmo minimizar esse quadro. Hoje o mercado oferece uma série de remédios e produtos para uso tópico, mas quando o grau de queda é muito alto, a melhor solução acaba sendo o implante capilar.

O implante capilar é indicado para pessoas que estão perdendo uma grande quantidade de cabelo, e oferece resultados ainda melhores se o paciente iniciar o processo antes de ficar com alto grau de calvície. Sempre lembrando que tratamentos como esse necessitam ser realizados por profissionais especializados e clínicas reconhecidas, afinal não deixa de ser um procedimento cirúrgico.

Muitas pessoas ainda tem dúvidas sobre implante capilar, como ele funciona, se ele realmente é eficiente e, principalmente, se o implante capilar dói. Nesse texto vamos falar um pouco mais sobre o tratamento e tentar solucionar todas as suas dúvidas. Confira a seguir!

Como o implante capilar é desenvolvido?

A realização do implante capilar é dividida em algumas etapas. Apesar de não ser um método invasivo, pois trabalha apenas na pele, ele requer alguns cuidados específicos como exames pré-operatórios (exames de sangue) e até uma avaliação cardiológica. Tudo isso para garantir uma boa decorrência do trabalho e também a segurança do paciente durante o procedimento.

Primeira etapa

Na primeira etapa são feitas algumas fotos do paciente. Com o material é realizada uma simulação de como será o processo de implante, escolhendo as regiões que deverão ser implantadas e aquelas que serão as doadoras dos folículos capilares.

Nos métodos mais avançados, como o ARTAS®, todo este processo é realizado com tecnologia 3D que simula resultados potenciais e ajuda o paciente a ver com mais exatidão como ficará o aspecto após o transplante.

Segunda etapa

Na segunda etapa é realizado o implante capilar. No processo manual este procedimento é feito dentro de um centro cirúrgico. Já com o ARTAS®, o procedimento é feito em uma clínica devidamente equipada e organizada para tal tarefa. Com uma técnica ultramoderna, o médico e o robô trabalham juntos para realizar um transplante minimamente invasivo e que não ocasiona cicatrizes lineares.

Após a aplicação de uma anestesia local no paciente, o procedimento é iniciado e os folículos capilares da área doadora disponível são retirados pelo ARTAS®.

Neste procedimento, são retirados em média mil folículos por hora e cada um pode ter de um a três fios de cabelo. Depois de analisados e separados por categorias, os fios são implantados um a um no couro cabeludo, sempre seguindo a linha natural do cabelo.

Vale ressaltar que o implante capilar realizado com essa tecnologia, foca na implantação de cabelo do próprio paciente, usando fios retirados de áreas mais densas.

Implante capilar dói?

Não! Implante ou transplante capilar não dói. O procedimento é realizado com anestesia local, permitindo que a área trabalhada pelo robô esteja anestesiada e o paciente fique consciente durante todo o procedimento.

Nos métodos de implantes manuais o paciente recebe anestesia e sedação, permanecendo inconsciente durante o implante e necessitando de um monitoramento constante devido as altas doses de sedativos.

Como é a recuperação do implante capilar?

Com a tecnologia do ARTAS® o implante capilar passou a ser realizado de forma mais eficiente e ágil. Com o avanço desse procedimento, o paciente sai caminhando da clínica e necessita de apenas alguns dias para a recuperação total. Além de uma recuperação mais rápida, o método do ARTAS® também diminui o tempo de espera para visualização dos resultados. Em apenas 15 dias os locais de rarefação capilar começam a ser preenchidos com novos cabelos.

Após o processo de implante capilar o acompanhamento do paciente permanece, pois todos os outros fios de cabelos serão continuamente tratados para manter a uniformidade e evitar a incidência de novos problemas.

Agora que você já sabe como funciona o implante capilar e que ele não dói, que tal conhecer melhor a tecnologia do ARTAS® e entender por que essa tecnologia é a mais avançada no tratamento da calvície? Confira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *