pH vaginal e a importância para o equilíbrio da região íntima

pH vaginal como funciona

Muitas mulheres desconhecem os efeitos do desequilíbrio da flora da vagina, que está diretamente relacionado ao pH vaginal. No post de hoje, vamos explicar qual a influência do pH na saúde íntima, sua forma de controle, bem como as doenças que se relacionam a seu desequilíbrio. Confira!

Como o equilíbrio do pH vaginal influencia a saúde íntima?

Potencial hidrogeniônico ou pH é a escala de acidez de uma solução. O grau varia entre 0 e 14, sendo uma substância ácida quando se situar entre 0 e 7 e básica ou alcalina quando estiver entre 7 a 14. O 7 em si é neutro. O pH vaginal saudável está entre 3,8 a 4,5 (ácido).

Esse pH vaginal ácido se dá devido a bactérias e fungos presentes na região que produzem ácido láctico. Esses microorganismos não causam danos à saúde da mulher. Na verdade, o pH ácido é uma barreira de proteção da vagina contra irritações e infecções. Em outras palavras, ele não permite que bactérias nocivas sobrevivam na região.

Desequilíbrio da flora vaginal

O desequilíbrio da flora ocorre quando o pH vaginal é modificado. A região se torna mais propícia à proliferação de microorganismos nocivos. Se a acidez é maior, aumenta o risco de infecções por fungos, como a candidíase. Se o pH vaginal ficar alcalino, a mulher pode sofrer uma infecção por bactérias, como a vaginose.

Os problemas decorrentes dessas infecções e irritações são coceira, corrimento e outros sintomas.

Existem exames para avaliação do pH vaginal?

O exame mais comum para avaliar o pH vaginal é o exame clínico ginecológico. É possível medir o pH aplicando fita medidora de pH na parede lateral da vagina.

Como controlar o pH?

Para manter a flora vaginal equilibrada é preciso realizar a higiene íntima de forma correta, o que, em muitos casos, é suficiente para evitar as infecções decorrente do desequilíbrio do pH vaginal. E como fazer isso? Veja algumas dicas:

  • Evite calças muito justas feitas com tecidos sintéticos, pois atrapalham a respiração da região;
  • Prefira roupas e calcinhas de algodão, que ajudam na transpiração e permitem ser esterilizadas por 1 minuto no microondas;
  • Ao lavar a região, use sabonete neutro e água, evitando sabonetes com perfumes;
  • No caso de pele sensível, use sabonete hipoalérgico, mas não antisséptico (elimina até as boas bactérias que protegem a vagina);
  • Evite utilizar os protetores diários (absorventes) quando não está menstruada, pois prejudicam a ventilação local e aumentam a umidade;
  • Na menstruação, troque os absorventes com frequência, mesmo se não houver muito sangue. Também é importante esvaziar seu coletor menstrual frequentemente;
  • Evite banhos muito quentes, pois contribuem para descontrolar o pH vaginal, e não se esqueça de secar bem a região após o banho. Vale usar secador de cabelo se tiver muitos pelos pubianos;
  • Durma sem calcinha, caso não se sinta desconfortável;
  • Higienize a região após a prática de exercícios físicos;
  • Utilize camisinha, pois o esperma tem um pH alcalino e pode desequilibrar a flora vaginal.
  • Faça a higiene íntima, você e SEU parceiro ANTES das relações sexuais também.

Manter o pH vaginal equilibrado previne doenças infecciosas que afetam a saúde íntima da mulher e causam desconforto na região. Para tanto, capriche na higiene seguindo nossas dicas para manter a flora vaginal saudável.

Quer saber mais sobre os cuidados com a higiene íntima? Leia mais um texto sobre o assunto!

Tratamento Íntimo a Laser - Rejuvenescimento Íntimo

Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

A ginecologista Valéria do Lago Pareja Guerra atua na Clínica Valéria Guerra, que fica em Dourados, MS. Seu contato é (67) 3422-3703. Também é possível entrar em contato pelo celular ou Whatsapp no número (67) 99972 1216.
Ela oferece o tratamento íntimo com LASER ATHENA.

Sua formação inclui:

- Medicina pela Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná
- Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná
- Titulo de especialização em Ginecologia e Obstetrícia - Mato Grosso do Sul
- Formação em Videolaparoscopia Ginecológica
- Pós-graduação em Medicina Estética pela Fundação de Apoio a Pesquisa e Ensino em parceria com a Faculdade de Ciências de São Paulo FAPES/ FACIS
- Docente do Curso Médico de Cosmetoginecologia Gynelaser - Brasília DF

Últimos posts por Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra (exibir todos)

About Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

A ginecologista Valéria do Lago Pareja Guerra atua na Clínica Valéria Guerra, que fica em Dourados, MS. Seu contato é (67) 3422-3703. Também é possível entrar em contato pelo celular ou Whatsapp no número (67) 99972 1216. Ela oferece o tratamento íntimo com LASER ATHENA. Sua formação inclui: - Medicina pela Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná - Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná - Titulo de especialização em Ginecologia e Obstetrícia - Mato Grosso do Sul - Formação em Videolaparoscopia Ginecológica - Pós-graduação em Medicina Estética pela Fundação de Apoio a Pesquisa e Ensino em parceria com a Faculdade de Ciências de São Paulo FAPES/ FACIS - Docente do Curso Médico de Cosmetoginecologia Gynelaser - Brasília DF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *